sexta-feira, 31 de outubro de 2014

O Banco Daycoval dá 11-3536-3414

O Banco Daycoval dá mostras de que continuará expandindo suas atividades também fora do eixo Sul-Sudeste do País. A instituição, cujos principais focos de atuação são o atendimento a pequenas e médias empresas (midle market) e as operações de concessão de crédito consignado, inaugura uma agência hoje, em Brasília. Será a 22 da instituição no território nacional.
A carteira de crédito do banco - cujos ativos totais são de R$ 5,1 bilhões - é de R$ 2,2 bilhões.
No Centro-Oeste, o Daycoval já contava com uma agência no Estado de Goiás.
A instituição vinha preparando sua chegada ao Distrito Federal há cerca de cinco meses. Enquanto isso, atuava na capital do País em parceria com oitenta empresas promotoras locais terceirizadas. Elas detêm uma carteira de aproximadamente R$ 10 milhões com a exploração do nicho de crédito consignado a servidores federais. "Brasília tem algumas características que nos fazem projetar, para daqui 6 meses, uma carteira de R$ 50 milhões na área de midle market, principalmente com empresas de serviços", diz o diretor executivo do banco, Morris Dayan.
"É uma praça interessante, pois a base do funcionalismo público - federal, estadual e municipal, contando os militares - é mais bem remunerada em comparação à média do Brasil", continua o executivo.
No último dia 12, o Daycoval obteve crédito de US$ 12,5 milhões do Banco Interamericano de Desenvolvimento.
Os recursos aportados pela instituição de fomento têm como principal objetivo o incremento das operações direcionadas à concessão de crédito a pequenas e médias empresas fora do eixo Sul-Sudeste.
Outra fatia do mercado que atrai a atenção do Daycoval na capital federal é o financiamento habitacional consignado, modalidade já oferecida nas outras capitais em que atua.
Mais quatro agências
De acordo com Dayan, o cronograma de inaugurações do Daycoval inclui, ainda para este ano, a abertura de outras quatro agências, duas das quais na região metropolitana de São Paulo. "Constatamos que as cidades de Alphavile e Guarulhos, por serem bastante populosas, têm elevada capacidade de gerar clientes potenciais. Abrir uma agência é necessário para manter o contato entre eles e o nosso gerente", acredita o diretor.
As outras duas agências que o banco pretende inaugurar em 2007 ficarão em Cuiabá e Campo Grande, respectivamente, capitais de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. A idéia de passar a ter bases nessas cidades reforça a estratégia do banco de diversificação de praças e perfis de clientes.
"A força crescente da expansão das empresas ligadas ao agronegócio nesses locais será importante para o banco", afirma Dayan.
O Daycoval obteve, no primeiro semestre deste ano, um lucro de R$110 milhões, o que corresponde a valor equivalente aos resultados do ano passado todo. O banco chegou ao mercado de capitais em 29 de junho. Sua Oferta Pública Inicial (IPO, na sigla em inglês) levantou R$ 1,092 bilhão, dos quais, R$ 950 foram captação líquida para seu caixa.
Outros bancos na fila
Atualmente, estão listados ou em processo para negociar valores mobiliários na Bovespa outros dez bancos pequenos ou médios: Pine, que chegou à bolsa em março, Sofisa , Paraná ,Cruzeiro do Sul , Indusval Patagônia,o Bonsucesso e o Fibra.
Os bancos Industrial do Brasil e Panamericano, do empresário Sivio Santos, também têm seus registros em análise.