Postagem em destaque

saiba

VE

Dirceu admite que recebeu diretor do BMG
Autor:
Fonte: O Globo, 06/07/2005, O País, p. 11

Em nota, deputado disse que na reunião não tratou de assuntos do PT ou de operações com o banco

BRASÍLIA. O ex-ministro e deputado José Dirceu (PT-SP) divulgou duas notas ontem em que confirma ter recebido diretores do grupo do BMG no Planalto e nega ter participado de decisões administrativas internas do PT enquanto era chefe da Casa Civil . Dirceu admitiu que recebeu em seu gabinete no quarto andar do Palácio do Planalto, no início de 2003, Flávio Guimarães, presidente da Brasfrigo, uma empresa do Grupo BMG, banco que concedeu o empréstimo de R$2,4 milhões ao PT avalizado pelo publicitário Marcos Valério de Souza, que tem contratos de publicidade com o governo.

Dirceu afirmou, no entanto, que na reunião com o dirigente do BMG não se tratou de assuntos do PT. "Em nenhum momento tratei com o empresário Flávio Guimarães qualquer assunto relativo a operações do banco BMG ou do PT" Segundo a revista "Veja", o encontro de Dirceu com um representante do BMG seria uma exigência da instituição para fechar a operação financeira.

Na nota, Dirceu justifica a presença de Guimarães na Casa Civil: "Informo que recebi, no início do ano de 2003, na Casa Civil, o senhor Flávio Guimarães, presidente da Brasfrigo, empresa do Grupo BMG, e compareci a seu convite na inauguração de nova fábrica em Luziânia-GO, em 9 de maio de 2003, representando o presidente da República". Segundo Dirceu, encontros com representantes deste tipo são normais.

: